Como fazer uma boa higiene no seu gato

Os gatos passam uma boa parte do dia a limparem-se, mas como dono, tem algumas tarefas a desempenhar. Veja alguns cuidados que se deve ter para uma boa higiene no seu gato.

Se tem um gato em casa ou se está a pensar em adotar um dentro de pouco tempo, é importante que saiba tudo sobre a sua saúde e bem-estar. Os gatos são, de todos os animais domésticos, os mais limpos, pois tratam da sua própria higiene diária. Apesar dos gatos poderem passar até 4 horas do seu dia a limpar-se, existem zonas que eles não conseguem alcançar, como é o caso dos olhos e das orelhas. E, é por isso que o convidamos a conhecer os principais cuidados de higiene no seu gato.

Quando se pensa na higiene dos gatos, é normal que surjam várias dúvidas sobre os cuidados a ter com os pêlos, onde colocar a caixa de areia. A verdade é que é tudo uma questão de organização e de saber quais os melhores cuidados a ter, para que lhe possa proporcionar uma vida saudável e feliz.

Com a fama de independentes, é normal achar que cuidar de gatos é uma tarefa complicada, mas na verdade, é exatamente o contrário. Porém, é importante ter em atenção alguns cuidados no que toca à higiene dos seus peludos.

Escovar o gato

A frequência com que escova o seu gato varia com o tipo de pêlo. Se o seu gato tiver pêlo curto, só precisará de ser escovado uma vez por semana. Por outro lado, se o seu gato tiver pêlo longo, necessitará de ser escovado diariamente, com o material adequado. Para saber que pente deve usar, aconselhe-se junto de um veterinário ou profissional de estética para animais.

Na hora de escovar o seu gatinho, deve colocá-lo num local antiderrapante, como uma mesa, para que os dois possam ficar o mais confortável possível. Comece por deixá-lo cheirar a escova, se começar a esfregar o focinho no pente, é sinal de que aceita o objeto. Em seguida, comece a escovar o seu gatinho pelas costas, e só depois nos outros locais, isto ajuda a tranquilizar o seu animal.

Caso o seu gato não goste de ser escovado, tente mimá-lo nesse momento e dê-lhe um ou dois biscoitos. Isso fará com que associe a escovagem a um momento bom. Nas primeiras vezes tente ser breve, para não aborrecer o seu gatinho e evitar tornar aquele momento em algo mais complicado.

A escovagem é um passo muito importante no que toca à higiene do seu peludo, pois ajuda a diminuir o problema das bolas de pêlo, melhorando a qualidade de vida do seu gato.

Os gatos já são conhecidos como os animais que fazem a sua própria limpeza e alguns até passam a vida inteira sem nunca tomar banho mas, às vezes, é necessário. Pode habituar os seus gatos a tomar banho desde cedo, para que, ao longo do tempo, a tarefa se torne mais fácil.

Banho

Se o seu gato não colabora na hora de tomar banho, pode recorrer a um profissional. Contudo, se quiser fazê-lo, deve ter alguns aspetos em atenção. Primeiramente, é necessário ter cuidado com a temperatura da água, esta não pode estar nem muito quente, nem muito fria, o ideal é estar morna. Tente, também, dar mimos ao seu gatinho durante o banho, para que ele se sinta mais à vontade e confiante. Se vir que o seu gato está a ficar stressado, tenha cuidado para não ser mordido ou arranhado e tente acalmá-lo.

É importante certificar-se que o shampoo que vai utilizar é especializado para gatos, e tenha cuidado para evitar que o shampoo entre em contacto com as áreas mais sensíveis como os olhos e as orelhas.

Após a colocação do shampoo, enxague bem o seu gato com água. No fim, seque-o com uma toalha e mantenha-o confortável até que fique bem seco. A Tukopet tem uma toalha própria para secar o seu gato que é uma excelente opção para dias de chuva ou de banhos. Além de secar rapidamente, também é bastante suave para peles mais sensíveis. Evite usar secador de cabelo nos seus animais de estimação, pois pode assustá-los.

Cuidados com a boca

A higiene da boca no seu gato não deve ser esquecida, pois os gatos também formam placas bacterianas e tártaro nos dentes. Pelo que é necessária uma escovação de dentes diária ou, caso não seja possível, deve ocorrer com a maior frequência possível.

Se já tentou escovar os dentes do gatinho diversas vezes e não consegue fazê-lo corretamente, saiba que existem alternativas, como alimentos especiais que combatem e ajudam a reduzir a placa bacteriana. Seja qual for o método que escolher para fazer a higiene bucal do seu gatinho, deve recorrer periodicamente ao veterinário para que seja feita uma revisão dentária mais aprofundada.

Cuidado com as unhas

Os gatos têm unhas longas e afiadas, como forma de proteção e defesa a potenciais perigos. Se tem um gato ativo, saudável e com acesso ao exterior, não é necessário cortar-lhe as unhas, pois ele já as desgasta naturalmente na natureza. Caso o seu animal seja apenas doméstico, ou seja, nunca vai à rua, é necessário aparar as unhas.

Este processo pode ser feito autonomamente, com a ajuda de arranhadores próprios, ou, em certos casos, pode ser necessária a intervenção do dono. No que toca aos arranhadores, eles devem estar num sítio fixo e estratégico, para que o seu gato saiba onde o encontrar e use-o quando sentir necessidade.

Antes de aparar as unhas do seu gatinho, é importante saber como fazê-lo corretamente, para evitar magoá-lo. Caso esteja com dúvidas sobre como lhe deve cortar as unhas, pode pedir ao veterinário para lhe ensinar a fazer.

É essencial que verifique as unhas semanalmente, não esquecendo o 5º dedo que, como não está em contacto com o solo, não se desgasta. Tenha, também, atenção às almofadas das patas, para ter a certeza que não há nenhuma alteração nem sinal de que algo está errado. Se suspeitar que alguma unha do seu gatinho está encravada, consulte o seu veterinário.

Caixa de areia

Para ter uma boa higiene e cuidado com o seu gato em casa, a caixa de areia deve estar sempre limpa, evitando que as necessidades acumulem por muito tempo. Para lhe facilitar a tarefa, existem modelos de caixas de areia que são mais fáceis de limpar, pois têm uma pá com grelha que permite filtrar a areia e aproveitar ao máximo que conseguir. Caso tenha mais do que um gato, é recomendado que disponibilize uma caixa de areia para cada um, para não gerar problemas entre eles. As caixas de areia devem estar num local fixo, para que os seus gatinhos saibam sempre onde as encontrar.

Os gatos não gostam de ter a areia suja, pois são animais bastante limpos e isso contraria a sua própria higiene. Tendo isso em conta, deve-se fazer a limpeza superficial, ou seja, apenas retirar as necessidades com a pá, 2 vezes ao dia. Já a limpeza total, ou seja, retirar toda a areia e substituir por areia nova, deve ser feita pelo menos 1 vez por semana, dependendo da frequência com que o seu gatinho a usa.

Cuidados com os olhos e orelhas

Quanto à limpeza dos olhos, esta deve ser feita 2 vezes por semana, embora algumas raças de gatos exigem que a limpeza seja feita diariamente. Este processo pode ser feito apenas com água e algodão e é importante que utilize um algodão diferente para cada olho. Esta limpeza é feita para evitar conjuntivites e infeções que resultam da acumulação de remelas.

No que toca à limpeza das orelhas, deve-se sempre começar pela parte exterior, utilizando apenas uma toalha húmida e shampoo. Depois deste passo, passa-se para a parte interna, onde se deve ter extrema precaução, para não causar lesões no seu gato. Utilize apenas uma gaze de algodão bem esterilizada, enrole-a no seu dedo e limpe suavemente o ouvido. Este procedimento deve ser feito de 2 em 2 semanas. Se notar alguma anomalia, deve recorrer imediatamente ao veterinário.

A principal escolha das pessoas que querem ter um animal de estimação em casa e que não têm muito tempo para se dedicar aos bichinhos, são os gatos. Isto porque eles são vistos como animais bastante independentes, que não exigem tanta atenção como os cães. Mas, como vimos, é importante ter alguns cuidados de higiene com os gatos, para manter o bem-estar deles e proporcionar-lhes uma vida saudável.

Afinal, a melhor relação que um animal pode ter com o seu dono é a de amor, carinho e companheirismo. Tudo isto é conquistado com pequenos cuidados diários que irão fortalecer a relação entre os dois. Com todas estas dicas para manter a higiene do seu gato em dia, cuidar do seu bichinho será, certamente, mais fácil e tranquilo.